• Português (Brasil)
Home TREINAMENTOS

Treinamentos

CURSOS DE CURTA DURAÇÃO

A INOVA oferece capacitação de curta duração em temas de gestão de organizações de C&T e de desenvolvimento, para capacitação e aperfeiçoamento de gerentes e pesquisadores, nos setores publico e privado.

Os cursos podem ser realizados nas dependências das organizações contratantes e em condições negociadas, de acordo com as necessidades de treinamento das organizações contratantes. A programação detalhada de ensino teórico e pratico é formulada conjuntamente com os gerentes das organizações contratantes.

O corpo de profissionais da INOVA envolvido nas capacitações é formado por professores com doutorado no exterior (Estados Unidos e Inglaterra) e com larga experiência nacional e internacional em pesquisa, ensino e consultoria.

A pauta de cursos oferecidos é a seguinte:

Curso

Clientes

 Objetivos/Conteúdo

Prospecção tecnológica de cadeias produtivas

(40 a 60 horas)

Profissionais de nível superior (ciências agrárias, economia, administração, ciências sociais etc) gestores públicos e privados vinculados as cadeias produtivas, pesquisadores e estudantes com interesse no tema.

O conhecimento adquirido tem aplicações na gerencia pública e privada e na formulação de políticas públicas, tais como demandas tecnológicas de cadeias produtivas e agendas de P&D.

A partir da visão sistêmica de complexos agroindustriais e de cadeias produtivas, os participantes serão capacitados em análise diagnóstica e prognóstica de cadeias produtivas agrícolas e industriais; em fundamentos teóricos sobre enfoque sistêmico, agronegócio, cadeias produtivas; em metodologias para a análise diagnóstica e prognóstica de cadeias produtivas e as técnicas para o seu estudo. Os conceitos de desempenho de cadeias produtivas (eficiência, qualidade, competitividade, sustentabilidade ambiental e equidade) serão definidos e as formas de mensuração desses desempenhos determinadas. Serão adicionalmente oferecidos conhecimentos sobre coleta e fontes de informação, formação e dinâmica de trabalho em equipe.

Estudos de futuro: construção de cenários.

(40 horas)

Profissionais de nível superior (ciências agrárias,   economia, administração, ciências sociais etc), gestores públicos e privados, pesquisadores e estudantes com interesse no tema.

Preparar os participantes sobre o conceito de futuro e as diversas abordagens de estudos. Metodologias e técnicas disponíveis. O Conceito de cenários. Análise de sistemas e fatores críticos de desempenho (ou variáveis críticas). Análise morfológica, temas de cenários. Validação e redação de cenários. Exemplos de casos.

Estudos de futuro: Técnica Delphi

(40 horas)

Profissionais de nível superior (ciências agrárias,   economia, administração, ciências sociais etc), gestores públicos e privados, pesquisadores e estudantes com interesse no tema.

Preparar os participantes sobre o conceito de futuro e as diversas abordagens de estudos. Metodologias e técnicas disponíveis. O Conceito de técnica Delphi. Análise de sistemas e fatores críticos de desempenho (ou variáveis críticas). Equipes, painel Delphi, Questionário Delphi, Análise dos resultados, rondas, resultados e exemplos de casos.

Planejamento e gestão estratégica de organizações de pesquisa.

(40 a 60 horas)

Profissionais de nível superior (ciências agrárias,   economia, administração, ciências sociais etc), gestores públicos e privados vinculados a instituições de pesquisa públicas e privadas, pesquisadores e estudantes com interesse no tema.

Preparar os participantes sobre os conceitos de estratégia e gestão estratégica de organizações de pesquisa (C&T). Apresentar as metodologias e técnicas disponíveis. Conhecer a aplicar os conceitos e análise de planejamento estratégico de C&T, de ambiente externo e interno, visão de futuro, formulação de estratégia, de projetos estratégicos e estruturantes. Definir formas de implementação de estratégia em organizações de C&T e de monitoramento estratégico. Conhecer mecanismos de avaliação estratégica e de revisão de estratégia. Exemplos de casos.

Planejamento e gestão estratégica de organizações de desenvolvimento.

(40 a 60 horas)

Profissionais de nível superior (ciências agrárias,   economia, administração, ciências sociais etc), gestores públicos e privados vinculados a instituições de pesquisa públicas e privadas, pesquisadores e estudantes com interesse no tema.

Preparar os participantes sobre os conceitos de estratégia e gestão estratégica de organizações de desenvolvimento, públicas ou do terceiro setor. Apresentar as metodologias e técnicas disponíveis. Conhecer a aplicar os conceitos e análise de planejamento estratégico de organizações de desenvolvimento, de ambiente externo e interno, visão de futuro, formulação de estratégia, de projetos estratégicos e estruturantes. Definir formas de implementação de estratégia e de monitoramento estratégico. Conhecer mecanismos de avaliação estratégica e de revisão de estratégia. Exemplos de casos.

Planejamento, acompanhamento e avaliação (PA&A) de programas e portfólios de projetos de pesquisa

(40 a 60 horas)

Profissionais de nível superior (ciências agrárias,   economia, administração, ciências sociais etc), gestores públicos e privados vinculados a instituições de pesquisa públicas e privadas, pesquisadores e estudantes com interesse no tema.

Os participantes conhecerão modelos de inovação e sua ferramenta, a pesquisa e desenvolvimento (P&D). Serão capazes de aplicar princípios de Planejamento tático,   Acompanhamento e Avaliação (PA&A) na preparação e gestão dos seus portfolios de projetos, utilizando os conceitos de implementação de estratégias, mecanismos colegiados de decisão estratégica, metodologias e ferramentas de priorização e indução de prioridades, gestão estratégica de alocação de recursos.

Terão uma visão ampla de Sistemas de Informação Gerencial como um mecanismo de tomada de decisão para gestores de portfolios de projetos; sobre conceitos e métodos de monitoramento e avaliação final e de impactos de portfolios de projetos, e de suas relações com a estratégia organizacional.

Gestão estratégica de projetos de P&D

(40 horas)

Profissionais de nível superior (ciências agrárias,   economia, administração, ciências sociais etc), gestores públicos e privados vinculados a instituições de pesquisa públicas e privadas, pesquisadores e estudantes com interesse no tema.

Os participantes conhecerão modelos de inovação e sua ferramenta, a pesquisa e desenvolvimento (P&D). Serão capazes de aplicar princípios de Planejamento, Acompanhamento e Avaliação (PA&A) na preparação e gestão dos seus projetos, utilizando os conceitos de fins e meios, estratégia metodológica e gerencial, acompanhamento e avaliação inicial e final de propostas e projetos.

Terão uma visão ampla de Sistemas de Gestão de Projetos, como ferramenta de gestão de portfólios e de projetos, que inclui mecanismos para realizar o alinhamento estratégico dos portfólios aos Planos Diretores das organizações.

Avaliação e formulação de políticas públicas em agronegócio

(40 a 60 horas)

Profissionais de nível superior (ciências agrárias,   economia, administração, ciências sociais etc), gestores públicos e privados, pesquisadores e estudantes com interesse no tema.

Preparar os participantes sobre os conceitos de avaliação de políticas públicas com diferentes propósitos, entre eles: a) identificação de necessidades de grupos sociais específicos; b) planejamento de ações para atendimento a demandas e necessidades destes grupos; c) controle da execução destas intervenções, e seu ajuste; d) mensuração de resultados obtidos pelas intervenções, ao seu término; e) mensuração de resultados de longo prazo (impactos) destas intervenções; f) responsabilidade social ou prestação de contas à sociedade (social accountability); visando o desenvolvimento social, econômico e ou ambiental, de determinados grupos sociais, ou mudanças em sistemas sociais, consideradas de interesse público.

Análise prospectiva e gestão do complexo agroindustrial do biodiesel no Brasil.

(60 horas)

Profissionais de nível superior (ciências agrárias,   economia, administração, ciências sociais etc), cientistas sociais, gestores públicos e privados vinculados às cadeias produtivas de biodiesel, pesquisadores e estudantes com interesse no tema.

A partir do conceito sistêmico de complexos agroindustriais (CAI) e de cadeias produtivas, os participantes receberão os fundamentos teóricos para aplicar metodologias para a análise diagnóstica do CAI e de cadeias produtivas de biodiesel e as técnicas para o seu estudo. Os conceitos de desempenho de cadeias produtivas (eficiência, qualidade, competitividade, sustentabilidade ambiental e equidade) serão definidos e as formas de mensuração desses desempenhos determinadas para as principais cadeias produtivas componentes do CAI do Biodiesel. Os mercados nacional e internacional do biodiesel serão analisados. Serão adicionalmente oferecidos conhecimentos sobre coleta e fontes de informação, formação e dinâmica de trabalho em equipe.


Para mais informação sobre a oferta de cursos da INOVA, envie email para Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

ou fale conosco no telefone 55-61-3201-5180.